Notícias

Alunos estudam rio em Foz do Iguaçu

10/10/2013

Participantes plantaram árvores, fizeram coleta de água e estudaram as condições do Arroio Romão

Cerca de 50 alunos e professores do Colégio Estadual Pioneiros, de Foz do Iguaçu, plantaram 15 árvores, coletaram água do Rio Sanga Romão e informações sobre as condições ambientais e físicas de suas margens. As atividades realizadas nesta quarta-feira (9) fazem parte do projeto “Sustentabilidade: Da Escola ao Rio”, promovido pela Universidade Livre do Meio Ambiente (Unilivre), Sanepar e Secretaria Estadual de Educação, em parceria com a Prefeitura de Foz do Iguaçu.

O professor de biologia do colégio, Rodnei Batista, destaca a importância do projeto na educação dos alunos. Para ele, além da conscientização ambiental existe o aprendizado teórico. Durante o processo de coleta o professor aproveita para explicar qual é a função de cada organismo vivo na natureza. “É uma sala de aula natural. O que a gente trabalha na teoria, consegue mostrar na prática”, comenta.

Nesta etapa do projeto, empregados da Sanepar e representantes da Secretaria de Meio Ambiente de Foz do Iguaçu auxiliaram no plantio das árvores e na coleta de dados. A secretaria forneceu as mudas, providenciou as covas e um técnico falou sobre as características das espécies plantadas.

PROJETO – O gerente de projetos da Unilivre, Eduardo Baptista, acompanhou as atividades em Foz do Iguaçu. Para ele, a escola é a alavanca da sociedade e os jovens têm a responsabilidade da preservação ambiental. Baptista também destaca a importância da participação da comunidade no trabalho de identificação e limpeza do rio. “Cada escola vai encontrar um resultado diferente para o trabalho. E, isso é que torna o projeto tão especial”, disse.

Pelo projeto, estudantes de 23 instituições, em 21 cidades do Paraná, vão monitorar a qualidade da água de rios vizinhos às escolas. O objetivo é disseminar o conceito de sustentabilidade e como este pode ser aplicado à qualidade e à conservação dos recursos hídricos. A próxima etapa do projeto no Rio Sanga Romão, em Foz do Iguaçu, será uma limpeza, prevista para novembro.

 

Galeria