Notícias

Colombo renova contrato de saneamento com a Sanepar por mais 30 anos

06/04/2018

Mais de R$ 600 milhões serão investidos nos sistemas de água e de esgoto durante a vigência do contrato

A Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) e a Prefeitura de Colombo assinaram o Contrato de Programa que prevê a prestação dos serviços de água e de esgoto à população por mais 30 anos. A cerimônia de assinatura ocorreu na Câmara Municipal de Vereadores na tarde da quinta-feira (5).

Durante a vigência do contrato, a Sanepar deverá investir no município cerca de R$ 681,8 milhões. A meta é fazer com que 80% dos moradores tenham o serviço de coleta e de tratamento de esgoto até 2028. Hoje, o índice é de 60,8%. A média nacional de coleta de esgoto é de 50%.

“A partir de hoje Colombo viverá um momento muito feliz para o saneamento”, afirmou o presidente da Sanepar, Mounir Chaowiche. Durante a assinatura do contrato, o presidente destacou o empenho de todas as partes envolvidas, em especial o Ministério Público, que ajudou no entendimento para que as metas do contrato fossem benéficas à população e ao meio ambiente. “A negociação estabelecida para firmar esse contrato em Colombo serve de modelo para outros municípios, pois somente através da união de esforços dos agentes públicos alcançou-se o objetivo comum: elevar os índices de saneamento do município e preservar o meio ambiente”, disse o presidente.

A prefeita Beti Pavin destacou o debate público durante a formulação do contrato. “Este é um contrato que foi construído com a participação da sociedade. Fizemos audiências públicas, tivemos o Ministério Público envolvido, e, por fim, a Câmara Municipal de Vereadores aprovando essa renovação”. A prefeita também lembrou que, de quatro em quatro anos, o município tem a possibilidade de revisar o contrato, para acompanhar se os compromissos estão sendo cumpridos. “Estaremos permanentemente acompanhando a evolução dos trabalhos”, garantiu.

PARQUE LINEAR – Além da universalização dos serviços de água e de esgoto, outro importante compromisso assumido pelo contrato é o repasse, ainda em 2018, de R$ 5,382 milhões para o Fundo Municipal de Saneamento Básico e Ambiental de Colombo (FMSBA), que serão destinados à implantação do Parque Linear do Rio Palmital. A prefeita Beti Pavin disse ser esta uma grande conquista para o município, já que o parque será construído nas proximidades do Bairro Guaraituba, região de alta densidade populacional e que não dispunha de uma área de lazer.

Além desse recurso, mensalmente a Sanepar repassará ao FMSBA 2% do seu faturamento no município para ações ambientais. “O nosso município só tem a crescer com a assinatura desse contrato”, disse o presidente da Câmara de Vereadores, Vagner Brandão.

RIO PALMITAL - Ações para melhoria do sistema de esgoto, com objetivo de preservar a Bacia do Rio Palmital, também estão previstas. Mais de R$ 1,3 milhão será investido na vistoria das ligações de esgoto de 35 mil imóveis. Além da previsão de recursos para vistorias em fossas sépticas nas áreas rurais da bacia do Palmital, que é um dos responsáveis pelo abastecimento da cidade. As vistorias vão começar ainda neste ano.
Ações socioeducativas, como palestras, reuniões comunitárias, limpeza do Rio, terão continuidade. Atividades assim já têm sido desenvolvidas na área da bacia desde 2016.

PRESENÇAS – Estiveram presentes na assinatura do contrato diversos moradores de Colombo, autoridades municipais e estaduais, empregados e diretores da Sanepar.

 

Galeria