Notícias

Crianças aprendem a cuidar do meio ambiente brincando

07/04/2016

Em Foz do Iguaçu, Sanepar promove atividade de educação ambiental no contraturno escolar

A Sanepar iniciou, em Foz do Iguaçu, ações de educação ambiental com crianças de 5 a 10 anos que participam do contraturno escolar. Atividades como contação de histórias e jogos didáticos serão desenvolvidas nos Centros de Convivência do município, em abril e maio, pelo menos uma vez por semana.

Para as crianças que estão nas primeiras séries do ensino fundamental, os educadores contam histórias com personagens que ensinam sobre uso consciente da água. Para os alunos de terceiro e quarto ano, são realizados jogos de tabuleiro que tratam de preservação dos rios e da mata ciliar. Também falam sobre o tratamento de água e de esgoto.

Lauriele da Silva Santos tem 10 anos e participou das atividades realizadas, nesta quinta-feira (7), no Centro de Convivência Leonel Brizola, no Bairro Três Lagoas. No Centro, ela também faz aulas de dança e em uma das coreografias o tema da música foi água. “É legal, a gente aprende coisas sobre o meio ambiente brincando”, disse.

A coordenadora do Centro, Marilda Ribeiro Pereira, disse que, além do trabalho desenvolvido pela Sanepar, durante toda a semana os alunos participaram de brincadeiras recreativas tendo como tema a preservação ambiental e o uso consciente da água. Apresentação de dança, gincanas, vídeos com foco nas discussões ambientais fizeram parte das atividades. “Nós aproveitamos o projeto de educação da Sanepar com as nossas atividades para incentivar as crianças a preservar o ambiente em que vivem. O que elas aprendem brincando hoje, vão levar para casa e vão por em prática no futuro”, comentou.

Na próxima semana, a equipe de educação ambiental continuará o trabalho no Centro de Convivência Leonel Brizola. Além dele, também estão incluídos no projeto os centros Darci Zanatta, no Bairro Morumbi, Arnaldo Isidoro de Lima, na Vila C, Clóvis Cunha Vianna, no bairro Lagoa Dourada, e Érico Veríssimo, no Jardim São Paulo.

De acordo com a assistente social da Sanepar Edvane Amaral a quantidade de turmas que vão participar das atividades vai depender de cada Centro. “A expectativa é atender o maior número de crianças possível.”

EM PONTA GROSSA - As crianças atendidas pelo no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) 31 de março, em Ponta Grossa, aprenderam sobre o ciclo do Rio ao Rio e o uso racional da água. A atividade, promovida na terça-feira (5), terá sequência na próxima semana (12).

Segundo a orientadora social do CRAS, Miriã Noeliza Vieira, todas as atividades feitas com as crianças da instituição buscam fortalecer o vínculo de pertencimento com o bairro e, em consequência, estimular a responsabilidade com o meio ambiente. “Não é um trabalho fácil. Temos um arroio próximo e estamos sempre orientando os alunos para que eles e suas famílias não joguem lixo no local. Falamos de todas as implicações que isso pode causar para o meio ambiente e para a própria comunidade”.

Galeria