Notícias

Empregados da Sanepar doam presentes para 786 crianças

14/12/2018

Campanha Papai Noel dos Correios vai beneficiar crianças de escolas municipais de áreas mais vulneráveis socialmente

Empregados da Sanepar doaram presentes para 786 crianças que escreveram cartinhas na Campanha Papai Noel dos Correios, em Curitiba. A entrega dos presentes para os Correios foi na manhã desta sexta-feira (14), na sede da empresa. Na cerimônia, estavam o presidente da Sanepar, Ricardo Soavinski, a governadora do Paraná, Cida Borghetti, e o superintendente dos Correios no Paraná, Paulo Cesar Kremer.

Durante o evento festivo, houve apresentação de músicas pelo Coral Sanepar e a aparição do Papai Noel. Foram convidadas algumas crianças como representantes de todas as que estudam nos Centros Maternos de Educação Infantil da Prefeitura de Curitiba e que tiveram as cartinhas adotadas pelos empregados da Sanepar. São os CMEI’s Vera Cruz II, Ruth V. C. Leite Cardoso, Vila Torres, Formosa, Estrela e Laura Santos. A gerente de Gestão de Pessoas da Sanepar, Tânia Toninello, explica que são escolas próximas a unidades da Sanepar.

Este é o décimo ano em que os empregados aderem à campanha. Dentro da empresa, a ação é coordenada pelo Serviço Social da Gerência de Gestão de Pessoas e mobiliza empregados e familiares a ações voluntárias e de responsabilidade social.

Em todo o Estado, foram adotadas cerca de 50 mil cartas, segundo a coordenadora do projeto dos Correios, Alessandra Ricardo. “Para essas crianças, este é o único presente que elas ganham no Natal. A campanha permite que elas experimentem o poder da escrita e a magia do Natal”, diz.

A professora Ediane Spake, do CMEI Vera Cruz II, que fica na Cidade Industrial, destacou que a ação dos empregados da Sanepar transforma realidades. “Vocês estão tirando sonhos do papel e levando alegria não apenas para as crianças, mas também para as famílias porque muitos estão desempregados e não têm condições de comprar nada para seus filhos. Além dos serviços que vocês fazem nos bairros, as pessoas percebem que tem alguém que pensa nelas.”

O presidente da Sanepar destacou que as ações voluntárias dos empregados vão além da obrigação de levar serviços de água e de esgoto. “Durante a realização dos jogos da Sanepar, os empregados doaram mais de 25 toneladas de alimentos para as áreas sociais das prefeituras do litoral”, disse.

Para a governadora, esses programas solidários levam às crianças a concretização de sonhos e de esperança. “Este trabalho é muito importante e as crianças ficam muito felizes porque têm o coração puro e simples.”

Galeria