Notícias

Está aberto edital que remunera práticas ambientais em Piraquara

30/04/2019

Com recursos da Sanepar, projeto prevê pagamento a proprietários rurais que preservam entorno da Barragem Piraraquara I

Proprietários rurais que realizam boas práticas de conservação no entorno da Barragem Piraquara I podem ser remunerados por essas atividades. Está aberto edital do Projeto de Pagamento por Serviços Ambientais (PSA) Manancial Vivo, lançado pela Prefeitura de Piraquara. O pagamento será feito com recursos repassados pela Sanepar ao Fundo Municipal de Pagamento por Serviços Ambientais. Ao longo de três anos, serão destinados R$ 750 mil ao projeto.

As inscrições vão até 6 de junho. O PSA concede incentivos econômicos para proprietários de imóveis rurais que atuam na preservação dos ecossistemas. São considerados serviços de proteção das áreas ambientais, conservação da fauna e flora silvestre, recuperação de áreas degradadas, manejo correto do solo para evitar erosão e assoreamento, plantio de espécies nativas, entre outras práticas.

Os proprietários poderão receber de R$ 81,30 a R$ 650,40 por hectare. O PSA Manancial Vivo existe desde 2013 por meio de parceria entre Prefeitura de Piraquara, Sociedade de Pesquisa em Vida Selvagem e Educação Ambiental (SPVS) a Fundação Grupo Boticário. A prefeitura fez um diagnóstico das potenciais propriedades, mobilizou os proprietários e criou legislação específica para o desenvolvimento do PSA. Em 2018, foi assinado Acordo de Cooperação com a Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sema) e a Sanepar que viabilizou o custeio e a operacionalização do programa.

A Bacia do Rio Piraquara foi escolhida para o desenvolvimento do projeto devido à sua importância para o abastecimento de água da Região Metropolitana de Curitiba e por abrigar remanescentes florestais conservados. O lançamento do programa foi no Centro de Educação Ambiental Mananciais da Serra (Ceam) da Sanepar.

O secretário de Meio Ambiente de Piraquara, Juliano Ribeiro, destacou o pioneirismo do município, que vai servir de parâmetro para outras cidades paranaenses. "O PSA traz benefício não só para o produtor ou a localidade, mas beneficia o município, a região metropolitana e todo o Paraná", ressaltou.

O diretor de Meio Ambiente e Ação Social da Sanepar, Júlio César Gonchorosky, reafirmou o compromisso da Companhia com o programa. "É o primeiro passo para concretização deste importante projeto. O sucesso que o PSA da Barragem Piraquara I tiver será o cartão de visitas para implantarmos em outras áreas ambientais do Paraná", enfatizou.

O coordenador de Recursos Hídricos da Secretaria de Estado do Meio Ambiente, José Luiz Scroccaro, falou sobre a importância da participação dos proprietários na preservação das áreas ambientais. "Hoje o PSA vem para quem está preservando a área, beneficiando os proprietários diretamente que, junto com os técnicos, terão todo o suporte para o manejo de suas propriedades e conservação do meio ambiente", finalizou.

O edital está disponível no site da Prefeitura de Piraquara: http://www.piraquara.pr.gov.br/facoparte/uploadAddress/Edital_PSA_verso_final_2019[9864].pdf

Galeria