Notícias

Mostra abre comemorações dos 55 anos da Sanepar

27/11/2017

O Museu do Saneamento abriu nesta sexta-feira, 24 de novembro, Dia do Rio, sua nova exposição fotográfica anual. Neste ano, o tema da exposição chama-se “Sanepar - 55 Anos” e faz parte das celebrações do aniversário de fundação da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), criada em 1963.

As imagens foram selecionadas em um concurso interno entre os empregados da instituição. Os ganhadores são saneparianos da ativa lotados em diversas áreas, sendo cinco da capital e os demais das cidades de Apucarana, Araucária, Londrina, Maringá, Ponta Grossa, Santo Antonio da Platina e São Mateus do Sul. As obras são de Claudemir Lucio Defendi, Dayse Cristina Onuki, Dulcineia Batista de Carvalho Tomaz, Elton Rodrigues dos Santos, Fabrício Castilho Haesbaert, Gabriel Konkol Júnior, Lauro Miguel Folkuenig, Pedro Henrique Vogt Silveira, Rafael Corsini Augusto, Ronaldo Adriano dos Santos Barreto, Vinícius Alberto Adorno Vasílio e Vivian Cristina Tozin Watanabe.

As fotos premiadas registram diferentes momentos da empresa ao longo do tempo e demonstram o olhar do sanepariano em relação ao seu trabalho, num percepção muito particular e que procuramos valorizar, tanto pelo aspecto artístico como pelo registro para nossa área de Patrimônio Histórico”, explica o diretor de Meio Ambiente e Ação Social da Sanepar, Glauco Requião. O diretor informou que a exposição fotográfica, em razão da comemoração dos 55 anos da Sanepar, terá uma versão itinerante que passará pelas gerências gerais da Companhia em cidades de todo o Estado em 2018. Confira no vídeo o discurso do diretor Glauco.

Segundo presidente da Sanepar, Mounir Chaowiche, a empresa tem muito o que comemorar em relação às suas conquistas, especialmente a do último Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento (PNQS), considerado o Oscar do setor. “Somos referência em saneamento no país e temos um grupo de profissionais muito competentes e dedicados, que se esforçam a cada dia para atender à população com serviços cada vez melhores, buscando a universalização do saneamento”, disse.

Na abertura da exposição, também estiveram presentes o diretor de Investimentos, João Martinho Cleto Reis Jr, o gerente da Gerência Geral Metropolitana (GGML), Antonio Carlos Gerardi, o coordenador da área de Patrimônio Histórico, Junio Ferreira Lima, o coordenador da Unidade de Serviço de Atendimento (USAT), Neivaldo Moreira da Rosa, e a coordenadora da área de Qualidade, Maria Angela Dummont Sargaço.

A exposição “Sanepar - 55 Anos” ficará disponível no Museu do Saneamento durante todo o ano de 2018. O local é um espaço de memória e cultura sobre o saneamento do Estado do Paraná, que promove o conhecimento e a reflexão entre o homem e o ambiente. Funciona desde 2014 na antiga estação de tratamento de água Tarumã, a primeira do Paraná, construída em 1945. É um museu institucional mantido pela Sanepar, que desde 1988, mantém um programa de preservação da memória do saneamento em Curitiba.

Acervo - A coleção do Museu do Saneamento possui mais de 8 mil itens que retratam os esforços de saneamento desde o final do século XIX até os dias atuais. O acervo é composto por objetos, equipamentos, mapas, mobiliários, vestuários, documentos, fotografias, audiovisuais, plantas e projetos de engenharia, o acervo está catalogado também em meio digital, disponível para consulta no local, de forma a incentivar a pesquisa e a produção de conhecimento.

Visitação - O Museu do Saneamento está aberto à visitação para o público em geral de 2.ª a 6.ª feira, das 8h30 às 12h e das 13h30 às 17h. Visitas guiadas para grupos de estudantes e escolas são realizadas de 3.ª a 6.ª feira, das 9h às 12h, e das 14h às 17h, por meio de agendamento pelo email visitas@sanepar.com.br

Galeria