Notícias

Sanepar amplia serviço de desinfecção em Londrina

15/07/2020

Ação iniciada em abril agora beneficia 10 instituições de saúde e asilos da cidade

A Sanepar ampliou o serviço desinfecção e combate ao coronavírus em Londrina, levando o serviço para mais asilos da cidade. Nesta segunda-feira (13), a ação atendeu três instituições. A ampliação do serviço soma-se ao plano de contingência da prefeitura e coincide com o início da testagem em massa de idosos e profissionais de saúde que atendem nos asilos locais. A desinfecção no entorno de hospitais e asilos é uma iniciativa da Sanepar, com parceria da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) e da Polícia Militar.

As instituições atendidas pela Sanepar em Londrina desde abril são os hospitais da Zona Norte, da Zona Sul e Universitário, no Hemocentro e na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Sabará, além do Asilo São Vicente de Paulo e o Lar Maria Tereza. E desde a semana passada, foram incluídas no roteiro as casas de repouso Gedalis, Nossa Casa e Maranatha.

“O principal foco da Sanepar é reduzir a possibilidade de contaminação do principal grupo de risco da doença, que são os idosos. Vamos então intensificar este trabalho”, explica o gerente geral da Sanepar na Região Nordeste, Rafael Malaguido.

O trabalho consiste na aplicação de jato de hipoclorito diluído em água em superfícies no entorno das instituições, bem como nos pátios, chão, paredes e bancos. O hipoclorito é antioxidante e elimina o vírus onde o produto é aplicado.

O secretário municipal de Saúde, Felippe Machado, destaca a parceria da Sanepar no atendimento das unidades que atendem pacientes com Covid-19. “Esta medida, com certeza, traz um nível de segurança, não só, para os pacientes que são atendidos ali, diariamente, mas para toda a equipe de saúde da unidade”, afirma.

ASILOS – Abigair Coutinho Sabóia, proprietária da Casa de Repouso Gedalis, no Jardim Alpes, zona Norte, destacou a importância da desinfecção. “Veio em boa hora.”
 
Eliane da Silva Alves, proprietária e responsável técnica pelo asilo Nossa Casa, na zona Oeste de Londrina, agradeceu a Sanepar, principalmente neste momento de alta dos preços dos produtos de limpeza. “Nós funcionários entramos e saímos da instituição, então temos que manter hábitos de limpeza, com troca de máscara. Tudo tem um custo.”

BOMBEIROS – A Sanepar também fez desinfecção em quatro quarteis do 1.o Subgrupamento do Corpo de Bombeiros de Londrina, a pedido do comandante, o capitão Rene Augusto Bortolassi de Oliveira, que relatou uma dezena de casos da Covid-19 na corporação. O capitão elogia a soma de esforços do Governo do Estado no combate à pandemia. “Nos colocamos à disposição da Sanepar e da sociedade como um todo. E, temos a certeza de que juntos venceremos esta fase”.

Galeria