Notícias

Sanepar apresenta plano de investimentos para fornecedores

26/06/2020

Abimaq reuniu 110 indústrias para planejar atendimento de demandas do saneamento

Mais de 100 representantes de indústrias brasileiras assistiram, na tarde desta quarta-feira (24), a apresentação do portfólio de investimentos da Sanepar para os próximos cinco anos, durante reunião ordinária do Sistema Nacional das Indústrias de Equipamentos para Saneamento Básico e Ambiental (Sindesam), câmara setorial da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq).

O diretor de Investimentos da Sanepar, Joel de Jesus Macedo, apresentou os principais projetos e obras da Companhia, as soluções tecnológicas aplicáveis para avanços no setor e os investimentos previstos em curto, médio e longo prazos.

“Com o conhecimento do nosso portfólio, as indústrias podem se preparar para apresentar as tecnologias que a Sanepar demandará até 2024, considerando a expectativa de aplicarmos cerca R$ 7,4 bilhões em projetos e obras nesses próximos anos”, resume Macedo, que conduziu a apresentação ao lado do coordenador de Projetos Complementares da Companhia, Leandro Novak, doutor em engenharia mecânica e responsável pelas especificações de projetos.

Segundo o diretor, há grande interesse da Sanepar em ampliar a quantidade de fornecedores como forma de reduzir os custos dos empreendimentos e elevar ainda mais os índices de atendimento especialmente com esgotamento sanitário. “A Sanepar mantém alto volume de investimentos e, por isto, estamos a caminho da universalização, com 75% (de coleta de esgoto) comparado com a média nacional de 53%. Isto coloca o Paraná no ranking de Estado mais saneado do país”, afirma.

Macedo destaca que a Sanepar junto com as companhias de saneamento de São Paulo e Minas Gerais – Sabesp e Copasa – representam cerca de 50% do volume total de investimentos do setor no Brasil e, portanto, tem a mesma medida das demandas por maquinários e equipamentos.

A presidente do Sindesam, engenheira Estela Testa, avalia a participação da Sanepar na reunião do grupo como bastante importante, no sentido de nortear as empresas para as possíveis demandas. Os participantes apontaram possíveis melhorias nos sistemas de licitação, destacando a importância de conhecer a priori as possibilidades de investimentos, seu escopo e detalhes específicos. Isto no sentido de promover melhoras de preços na concorrência, em virtude do tempo que têm para planejamento.

“Tivemos 110 participantes. Foi o maior público registrado na história da casa, o que mostra o tamanho interesse pela Sanepar, considerada uma das melhores referências em eficiência no mercado nacional. Ouvimos há pouco a Sabesp, e agora a Sanepar, pelos seus índices de atendimento de primeiro mundo e pelos projetos muito bem geridos”, comenta.

Galeria