Notícias

Sanepar intensifica pesquisa de vazamentos em Cascavel

06/04/2018

Serão vistoriados mais de 1,3 mil metros de redes de distribuição de água e 95,8 mil ligações domiciliares

As redes de distribuição de água de Cascavel estão passando por novas vistorias a fim de identificar possíveis vazamentos. Além das manutenções preventivas e das pesquisas permanentes, a Sanepar contratou uma empresa para intensificar os trabalhos nas tubulações que transportam a água em todas as regiões da cidade. A nova frente de combate a vazamentos iniciou nesta semana e continuará ao longo de um ano.

A gerente regional da Sanepar Rita Ivone Camana explica que o trabalho deve reduzir o desperdício de água de Cascavel. “Além do contrato com essa empresa, as equipes próprias da Sanepar vão manter o monitoramento e as vistorias, garantindo a pesquisa em 100% do sistema de abastecimento”, destaca Rita.

Os técnicos utilizam equipamentos de geofone para fazer a escuta subterrânea para identificar os ruídos que podem determinar o local exato onde a rede rompeu. O conserto é realizado imediatamente pelas equipes de manutenção da empresa.

Durante os 12 meses de pesquisa, serão vistoriados os mais de 1,3 milhão de metros de redes e as 95,8 mil ligações de água em todas as regiões da cidade. “Com essa ação, intensificamos a investigação de vazamentos ocultos, quando a água não aparece sobre as calçadas e nas ruas, e de irregularidades nas ligações de água”, afirma a gerente.

COMO É FEITO – Quando há vazamento, a água emite um som característico que pode ser identificado pelo aparelho denominado geofone. Este aparelho é semelhante ao estetoscópio utilizado pelos médicos. Enquanto um técnico caminha pela rua com o geofone, “ouvindo” a rede de água, os outros membros da equipe utilizam equipamento mais simples (stick), para ouvir todos os cavaletes das residências, sem a necessidade de entrar no imóvel.

Os técnicos percorrem as ruas para realizar a escuta subterrânea, conferem os cavaletes, a pressão da rede e fazem sondagens nas calçadas e ruas com pequenas perfurações, a fim de identificar a umidade do solo, quando há suspeita de vazamento. Formulários ajudam a registrar o tipo de vazamento e de material da tubulação rompida, além das características e situação do hidrômetro. Os locais dos vazamentos são sinalizados com setas como referência para a equipe de consertos.

Por causa do barulho, que interfere na escuta, a pesquisa poderá ser realizada também à noite, quando o movimento de pessoas e de veículos é menor.

IDENTIFICAÇÃO – As equipes da empresa contratada – Ercon Engenharia Ltda – utilizam uniforme e crachá de identificação e dois veículos brancos com logo e com a identificação “À Serviço da Sanepar – Pesquisa de Vazamento” (Gol placa CFY8161 e Fiat Uno Branco placa AZP0241).

Os trabalhos estão sendo feitos nos bairros Boa Vista, Country, Contry Ville, Independência, Vitória e Social Americano. Em caso de dúvidas, ou para certificar-se dos trabalhos, o cliente pode ligar no telefone 0800 200 0115, que funciona 24 horas. As mudanças de rota e os bairros que estarão no rol das pesquisas serão comunicados nos canais de relacionamento telefônico ou personalizado.

Galeria