MONITORAMENTO KARST

O Aquífero Karst constitui um importante manancial subterrâneo do Estado do Paraná, utilizado para o abastecimento público dos municípios situados na porção norte da Região Metropolitana de Curitiba.

A extração de água do Karst pela Sanepar para o abastecimento público dos municípios de Almirante Tamandaré, Bocaiúva do Sul, Campo Largo, Campo Magro, Colombo e Itaperuçu foi objeto de estudos hidrogeológicos e ambientais. Esses estudos concluíram que é possível fazer o aproveitamento sustentável do Aquífero Karst mediante o controle constante das vazões captadas e do rebaixamento do nível da água dentro dos poços de extração. Este controle é realizado de modo permanente pela Sanepar como garantia da extração de água dentro dos limites de segurança estabelecidos pelo Instituto das Águas do Paraná (ÁGUASPARANÁ).

Em atendimento ao Parecer Técnico do Instituto Ambiental do Paraná (IAP) e às Portarias de Outorga de Direito de Uso dos Recursos Hídricos emitidas ÁGUASPARANÁ, o monitoramento automático e instantâneo de 15 poços em operação pela Sanepar está disponível nos links a seguir. Os gráficos apresentam as medições da vazão captada e da profundidade do nível da água em cada poço, atualizadas a cada 60 minutos, associada ao limite de segurança estabelecido, denominado Nível Dinâmico Máximo Permissível (NDMP).

A aquisição dos dados, transmissão das informações atualizadas e a elaboração dos gráficos são realizados pela empresa PASE Hidrometria, a serviço da Sanepar.

Dados de extração de água do aquífero Karst: